MANDARIN ORIENTAL BARCELONA

O Hotel Mandarin Oriental Barcelona é o local perfeito para explorar esta cidade fascinante. Serviços de gastronomia, retiro íntimo e entretenimento são as desculpas perfeitas para sempre querer voltar. Nós estivemos lá e comprovamos cada detalhe.

Bem na rua mais elegante da capital da Catalunha, a Passeio de Gràcia, o Hotel Mandarin Oriental Barcelona mantém a fachada original de um banco construído na primeira metade do século XX. A poucos passos da Casa Batló e da Casa Milà, duas obras do mestre modernista Antonio Gaudí, o empreendimento já impressiona pelo design interno arrojado da arquiteta espanhola Patricia Urquiola – contrastante à discrição asiática que norteia a marca Mandarin. A luminosidade é, sem dúvidas, uma forte característica: a rampa de entrada, que conduz ao lobby, atravessa um átrio irradiado pela luz natural, com janelas retangulares em posições e tamanhos diferentes – o que cria um efeito bastante futurista. Cada um dos 120 apartamentos acompanha esse toque cosmopolita com a elegância oriental. O spa de mil metros quadrados oferece ampla variedade de tratamentos para rejuvenescimento e relaxamento holísticos, bem como terapias luxuosas, em um ambiente tranquilo e meditativo. A piscina de água verde junto com a sauna, que tem espreguiçadeiras ao invés das tradicionais bancadas, são um convite perfeito para relaxar depois de um dia de passeio. Todos os serviços de bem-estar têm a assinatura da rede hoteleira, o que garante a qualidade máxima em todos hotéis ao redor do mundo. A gastronomia é estrelada: o restaurante Moments, comandado pela chef Carme Ruscalleda e o filho dela Raul Balam, recebeu duas estrelas Michelin, o que o inseriu no portfólio de restaurantes premiados do grupo – ao todo, 11 restaurantes formam a constelação de 16 estrelas. Ainda tem o restaurante Blanc e o bar Banker’s, que remete ao passado estrutural do hotel, com cofres originais do antigo banco cravados nas paredes e no teto. Durante a primavera e o verão, os hóspedes ganham mais duas atrações: o Jardim Mimosa, um jardim interno que é um oásis arborizado com 660 metros quadrados, perfeito para aproveitar uma noite quente saboreando um menu de tapas; e o El Terrat, um terraço no topo de edifício junto a uma piscina de borda infinita, que oferece uma vista panorâmica de 360 graus da cidade, uma ótima carta de drinques e algumas mordidas selecionadas pelo peruano Gastón Acurio. A novidade do hotel é um pacote de passeio de helicóptero para apreciar a cidade de cima: são três opções de rotas de voos, que podem durar de dez minutos a três horas. Maior excelência é impossível.