THE DOLDER GRAND ZURICH

Passar uma temporada no The Dolder Grand é como habitar o deslumbrante cenário de um conto de fadas. Essa sensação, certamente provocada pelo poético endereço onde a construção se encrava, é sublinhada pela imponência de suas linhas arquitetônicas. Situado bem acima de Zurique, a vista lá do alto contempla extraordinariamente o lago alpino e o centro da cidade. Sinônimo de luxo e exclusividade por mais de um século na Suíça, o exterior do hotel, concebido originalmente pelo arquiteto Jacques Gros, espelha o estilo clássico comum aos venerados castelos do velho continente nos idos de 1800. Uma grandiosa reforma de 440 milhões de francos suíços elevou o status do empreendimento de valor histórico às cinco estrelas, com projeto assinado pelo Foster and Partners, mesmo estúdio responsável pela reconstrução do Reichtag, em Berlim. Símbolo da aristocracia europeia, o hotel é uma perfeita escolha para os hóspedes que procuram se desligar das preocupações em uma atmosfera de impecável hospitalidade e condições de relaxamento. O spa, por exemplo, destaca-se como uma das melhores atrações entre os serviços internos, ao lado da gastronomia – a cozinha do hotel foi agraciada com duas estrelas no Guia Michelin . O Dolder GrandSpa, com 18 salas de tratamento espalhadas por 4 mil m2  e uma piscina indoor de tirar o fôlego, porsua vez foi eleito Melhor Hotel Spa europeu pelo World Spa Awards 2012. Dono de uma estética que combina design supermoderno sem deixar de ladoa aura clássica da construção original, o Dolderoferece esplêndidas suítes individualmente inspiradasem hóspedes ilustres dos tempos anteriores

à sintomática reforma de 2008. A suite Carezza, uma das mais requisitadas, foi inspirada pelo famoso artista local Alberto Giacometti (1901-1966): os móveis e itens de decoração minuciosamente esculpidos,assim como as janelas que cobrem todo o pé direito, dão a ideia de que o próprio artistateria ajudado a criá-los. São, ao todo, 173 quartos, entre os quais também se destaca o Curhaus, cujoprojeto de interior original remete ao ano de 1899.Pelas dependências, o hóspede encontra, ainda, uma rica seleção artística, com paredes enfeitadaspor trabalhos que ostentam assinaturas de Andy Warhol, Henry Moore e Salvador Dalí. Outras facilitiesincluem quadras de tênis, um campo de golfede nove buracos e um ringue de patinação no gelo.